MENSAGENS FINAIS

QUEM SOMOS

NISTO CREMOS

ESTUDOS

JUDICIAIS

CARTAS

A Bíblia e a Saúde

No antigo Testamento (+/- 4200 a.C. a 33 d.C.) 

Após terminar a criação da Terra em 6 dias e santificar o sétimo dia da semana, Deus disse a Adão e Eva que eles poderiam comer de todas as sementes e frutos do solo. (Gênesis 1:29). Naquela época os animais não morriam porque o homem ainda não havia pecado (Romanos 6:23). Depois que eles pecaram toda a criação ficou sujeita  à morte e Deus instituiu o sacrifício de cordeirinhos, simbolizando a morte expiatória do messias na cruz (Gênesis 4:4 e João 1:29). Todas as vezes que se cometia um pecado, devia-se sacrificar um cordeiro como símbolo da remissão de pecados e da morte do Filho de Deus que aconteceria no futuro. No entanto, não passava pela cabeça de ninguém matar os animaizinhos e utilizá-los como alimento.

No entanto, 1656 anos depois da criação[1], após o dilúvio, quando Noé e sua família saíram da arca o solo estava encharcado e não era possível plantar. Então Deus permitiu pela primeira vez que se comesse carne. (Gênesis 9:2-5). Apesar disso esse não era o plano de Deus para a raça humana, da mesma forma que a rebelião ou o pecado não eram. Entretanto Deus não liberou que se comessem todos os tipos de carne porque sabia que poderia prejudicar a nossa saúde. Então; Jesus[2] entregou nas mãos de Moisés as divinas leis alimentares, que podem ser lidas em Levítico capítulo 11 e Deuteronômio capítulo 14.

 Resumo das Leis Alimentares

Animais Limpos: de acordo com Lev. 11:3 são limpos todos os animais que tem unhas fendidas, o casco divide em dois e rumina sendo apto para a alimentação. Deuteronômio 14:4-5  cita como exemplos o boi, a ovelha, a cabra e a gazela. Em relação às aves, apenas as imundas ou inaptas para a alimentação são citadas, portanto se utiliza o método eliminativo e comparativo para se chegar as limpas. Dos animais aquáticos são limpos todos os que tem barbatanas e escamas (Lev.11:9). Dos insetos são permitidos apenas o gafanhoto devorador, o grilo e a locustra (Lev. 11:22).

Animais Imundos e que fazem mal a saúde: a Bíblia declara que todos os animais terrestres que não tem as características citadas acima são considerados imundos. Ela cita o porco, o coelho e o camelo como exemplos (Lev. 11:4-7). Dos animais aquáticos todos os que não tem barbatanas e escamas são imundos ( Lev.11:10). Como exemplo podemos citar os frutos do mar, o camarão, os peixes de couro, o golfinho e a baleia. Todos os insetos, exceto as exceções citadas acima são inaptos para a alimentação humana ( Lev.11:23 e Deut.14:19). Em relação as aves a Bíblia utiliza o método eliminativo citando as aves imundas e não especificando as limpas. De acordo com Deus são imundas a águia, o falcão, a águia marinha, o corvo, o avestruz, a coruja, a gaivota, o gavião, a gralha, o pelicano, o abutre, a garça, a cegonha e o morcego (Deut.14:11-20). Também não se deve comer animais que andam pelo ventre como a cobra, os que tem vários pés como a centopéia e todos os tipos de enxames ( Lev. 11:41-43).

E Deus termina as leis alimentares dizendo: "Eu Sou o Senhor vosso Deus, portanto vós vos consagrareis, e sereis santos porque Eu Sou santo...Essa é a lei dos animais e das aves e de toda a alma vivente que se move nas águas e de toda criatura que povoa a terra, para fazer a diferença entre o imundo e o limpo, ente os animais que podem comer e os que não podem comer". Levítico 11:44-47.

Você deve estar se perguntando: mas não existem certas coisas óbvias nessa lei alimentar? É certo que não. Por exemplo: na Coréia do Sul e na China são comuns se comerem ratos, cobra e cachorro que  a Bíblia condena como imundos. No ocidente uma alimentação comum é a carne de porco presente em vários produtos derivados como a mortadela. O Evangelho não se adapta as culturas, ele vai completamente contra a elas porque é a vontade de Deus, sendo, portanto o caminho estreito. Veja essa terrível repreensão em Isaías 66:15-18:

"Porque eis que o Senhor virá com fogo, para tornar a sua ira em furor e a sua repreensão em chamas de fogo...entrará em juízo contra toda a carne e serão muitos os mortos da parte do Senhor...os que comem carne de porco, coisas abomináveis e rato serão consumidos, diz o Senhor...porque venho para ajuntar todas as nações e elas contemplarão a minha glória".

De fato, logo em Isaías 66:22-24 o profeta termina o livro dizendo que os filhos de Deus o adorarão na Nova Terra no santo dia de Sábado. As verdades bíblicas são como Paulo declarou, uma espada que atravessa a mente e o coração. Depois disso tudo o que você fará, aceitará a vontade de Deus para a sua vida ou continuará quebrando as leis alimentares e sujeito a doenças dos que não conhecem a verdade revelada?

Revelações de Saúde da Era Cristã

A Saúde e o Novo Testamento (33 d.C. até Hoje)

A maioria das pessoas acredita que Deus tenha abolido as leis alimentares no Novo Testamento e citam passagens bíblicas sem nem fazer uma leitura de seu contexto, dentro de determinado capítulo ou livro. A principal passagem citada é Atos capítulo 10 na qual Pedro tem uma visão de um lençol baixando do céu com vários animais imundos como répteis e aves (versículo 12). Então Deus dá a ordem: "Levanta Pedro, mata e come". Pedro ficou admirado e por conhecer e obedecer as leis alimentares respondeu: "De modo nenhum Senhor, porque jamais comi coisa alguma imunda". Então Deus respondeu: "Ao que Deus purificou não consideres imundo".

Ao terminar a leitura desse texto a maioria das pessoas fecha sua Bíblia e realizada pensa que agora está liberada e pode comer de tudo. No entanto ao ler  o desenrolar da história em Atos capítulo 10:17-48 e a explicação de Pedro em Atos 11:1-18 vemos que o assunto da visão nem era alimentação!! A visão era uma parábola que devia ensinar a Pedro que ele deveria levar o evangelho aos gentios e que a salvação não era exclusividade dos judeus. Isto fica explícito em Atos 10:28: " Vós mesmos sabeis que é proibido a um judeu se aproximar ou juntar com alguém de outra raça, mas Deus me demonstrou que a nenhum homem considerasse comum ou imundo".

Pedro teve essa visão porque se recusava a levar o evangelho a não judeus. Em relação a suas leis, certamente Deus não pode voltar atrás em sua palavra pois seu caráter é eterno e não sofre variação ao longo do tempo. A Bíblia diz que Jesus Cristo é o mesmo ontem, hoje e o será para sempre. (Hebreus 13:8).

A Saúde e a Mensageira do Senhor[3]

Em dezembro de 1844 Deus escolheu em jovem americana de 17 anos chamada Ellen Harmon, depois de casada Ellen G. White (1827-1915), com o objetivo de repreender o pecado e preparar um povo que estivesse de pé na volta de Jesus. Uma das suas primeiras visões foi relativo ao sábado do quarto mandamento. Jesus lhe mostrou a arca da aliança e um arco de luz em volta do quarto mandamento mostrando o pecado dos cristãos. Ao todo foram 2000 visões relativos a ascensão e queda dos Estados Unidos, a volta de Jesus, assuntos internos da Igreja Adventista do Sétimo Dia, família cristã, educação em nossos colégios e saúde totalizando 100 mil páginas em 66 livros publicados em língua portuguesa. Eles podem ser vistos ou comprados em:

http://www.cpb.com.br

As visões que Deus revelou a Ellen White sobre saúde são um assombro para a metade do século 19 e foram confirmadas pela medicina moderna ainda não sendo superados. Exemplos:

 Ellen White: Profecia                       

 Medicina-descoberta:                       

 1869: Eletricidade no Cérebro. "Seja qual for o distúrbio na circulação das correntes elétricas no sistema nervoso, causará a diminuição da força do poder vital, e o resultado é a morte das sensibilidades da mente."

 1934: "As cargas elétricas são vitais para o funcionamento do cérebro." Dr. Charles Mayo de Mayo Clinic.

1905: Câncer. "As pessoas estão continuamente comendo carne que está cheia de germes cancerígenos. Câncer e outras doenças fatais serão por fim comunicadas."

 1956: Muitos, se não todos os tumores malignos podem ser causados pelos vírus e ("midget germs" -  "germe pigmeu"), deste modo, um grande número de tumores malignos de diferente morfologia e em diferentes espécies de animais poderiam ser transmitidos de um hospedeiro para outro por extratos filtrados." Ludwick Gross, M.D. Jornal da Associação Médica Americana.

 1905: Café & Chá. "Chá e café não nutre o sistema. O efeito deles é produzido antes de que se tenha tempo para a digestão e assimilação, e o que parece dar força é somente uma excitação. Quando a influência do estimulante se vai, a força artificial se abate, e o resultado é um grau correspondente de debilidade e fraqueza."

 1967: "Cafeína é dito ser consumido entre os trabalhadores intelectuais, atrizes, garçonetes, empregados noturnos e  em longas distancias pelos motoristas de automóveis. Doenças se não inexplicáveis podem ser causadas pela excessiva ingestão de xanthine alkaloids, incluindo café, chá, chocolate e algumas bebidas alcoólicas populares." H.ª Riemann, Jornal da associação Médica Americana.

 1864: Cigarro. "O cigarro é um veneno dos mais enganosos e malignos, dando uma excitação e então uma influência paralisante sobre os nervos do corpo. É dos mais perigosos porque seu efeito sobre o sistema é vagaroso, e no princípio difícil de perceber. Multidões tem sido vítimas da sua influência venenosa. Eles tem matado a si próprios por este veneno lento."

 1964: "Alerta: Fumar causa câncer pulmonar, doença do coração, enfisema e pode complicar a gravidez."  Surgeon General's Report.

 1869: Doenças do coração. "A alimentação cárnea tem tornado o sangue e a carne de baixa qualidade. Seu sistema está num estado de inflamação, preparado para adquirir uma doença. Você está em posição favorável de ser atacada pela doença e morte súbita porque você não possui a força para fazer frente e resistir a doença. Virá um tempo quando a força vital e a saúde que você tem lisonjeado, provará ser fraca. (Medical Science and the Spirit of Profecy)

1961: "Uma dieta vegetariana pode prevenir 90% de nossas doenças de  trombosi-embólica (coágulo nas veias e artérias) e 90% de nossas oclusões coronárias." Estas duas condições são responsáveis por mais mortes do que todas as outras causas juntas na América do Norte. Dr. W. A. Thomas, M.D., artigo no Jornal da Associação Médica Americana. Novas descobertas científicas publicadas pela Revista Veja em maio 2004.

De acordo com os estudiosos das visões de saúde de Ellen G. White, para termos saúde devemos nos alimentar conforme essa tabela alimentar que é um resumo de seus escritos de saúde de mais de 1000 páginas:

 


1 Grãos integrais, pães, cereais, arroz e massas

 

Este primeiro grupo de alimentos são os energéticos, e recomenda-se de 6 a 11 porções diárias. A variação da quantidade de porções sugeridas ocorre devido às diferenças de tamanho, sexo, atividade física entre outros fatores.


2 Verduras

 

Deve-se consumir de 3 a 5 porções de hortaliças(verduras) por dia, sendo estes alimentos reguladores. Este grupo é maior que o das frutas pois seus alimentos contém quantidades maiores de minerais e vitaminas.

Coma-as generosamente.


3 Frutas

 

Sendo um grupo um pouco menor que o das verduras, recomenda-se consumir de 2 a 4 porções por dia. Estes alimentos são também reguladores.

Coma-as generosamente. 


4 Leite semi desnatado, iogurte, queijo fresco e produtos de soja

 

Recomenda-se consumir 2 ou 3 porções diariamente. Estes alimentos construtores são uma excelente fonte protéica e, apesar de não serem os únicos, são ricos em cálcio.

Coma-os moderadamente.


5 Feijões, nozes e sementes

 

Diariamente devemos ingerir 2 ou 3 porções destes alimentos construtores. São substitutos da carne e importantes fontes de proteína e ferro.

Coma-os moderadamente.


6 Gorduras, óleos e doces

 

Este último grupo de alimentos energéticos deve ser consumido em pequena quantidade.


 

Obs: Estudos realizados pelo governo americano e norueguês demonstram que os que seguem os conselhos bíblicos de alimentação vivem 7 anos a mais do que a média da população[4].

Saúde para você!

 

[1] O livro de Gênesis traz a genealogia de toda a geração primitiva, o que nos permite contar 1656 anos da criação de Adão até o Dilúvio.

[2] Jesus é o eterno Filho, existente desde a eternidade. João 1:2 e 10. Ele se identificou como o próprio Jeová causando a ira dos judeus que não entendiam a divindade, Veja Êxodo 3:13-14 e João 8:56-59.

[3] A nação de Israel teve mais de 40 profetas verdadeiros. A maioria acabou assassinada porque o povo não tolerava suas mensagens, o que inclui a repreensão sobre os alimentos imundos. Isaías, por ex, foi serrado ao meio. A Bíblia afirma que continuaria havendo profetas e deveríamos prová-los para saber se provêem de Deus (I Tessalonicenses 5:20). Ellen White é a única pessoa que passou no teste bíblico nos últimos 1800 anos. Prove por si mesmo lendo suas obras.

[4] Estudo realizado pelos EUA em 34.198 adventistas na Califórnia que foram acompanhados entre 1974 e 1998.

 

HOME